top of page
  • ju9102

FERNANDO POSSENTI: O TÉCNICO "OURO" DA OLÍMPIADA DE TOKYO 2020 NA MARATONA AQUÁTICA

Atualizado: há 7 dias

Com mais de 20 anos dentro das águas, Fernando Possenti alcançou o até então ápice da sua carreira em 2021 nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Eleito seis vezes melhor técnico do mundo pela Federação Internacional de Natação (FINA) e duas vezes vencedor do Prêmio Brasil Olímpico, para ele nada se compara a medalha de ouro olímpica conquistada por Ana Marcela Cunha, nadadora da maratona aquática que Possenti treina. Agora, aos 43 anos, técnico e atleta miram repetir o êxito em Paris 2024. Ana Marcela é a maior vencedora do Circuito Mundial da FINA 10K, com recorde no Guinness Book.


Como você começou a atuar como técnico de maratona aquática?

Fernando Possenti: A maioria dos treinadores de maratona aquática não começam com maratona aquática. São treinadores de natação e eu tenho o prazer de continuar sendo treinador de natação. A maratona aquática é uma especialidade dentro da natação, é um esporte muito interessante, muito bacana, mas continua atrelado e vinculado a natação tradicional. Eu comecei a dar aula de natação em escolinha, em academia, com 17 anos de idade, estagiando porque eu precisava levantar um dinheiro. Aos 19 eu já atuava como treinador. Em determinado ponto da minha carreira eu estive em um clube onde o diretor de natação do clube, a pessoa que me contratou, gostava muito de maratona aquática. Ele já tinha sido treinador de maratona aquática e falou que lá a gente trabalharia as duas coisas conjuntas. E eu adorei a ideia, comecei a me especializar, até que isso virou meu carro chefe. Tem mais de 20 anos que eu trabalho com natação.


Do ponto de vista de um té